A importância de profissionais autônomos criarem eventos e como deixá-los ainda mais incríveis

Você é freelancer, coach, consultor, ou profissional autônomo? Então provavelmente deve contar com algumas estratégias para divulgar o seu trabalho e consequentemente conseguir mais clientes.

Manter redes sociais atualizadas, trabalhar de coworkings, fazer networking são atividades que podem divulgar o seu trabalho para outros profissionais. Porém, além delas, existe uma outra estratégia que pode te posicionar como especialista na sua área: criar eventos.  

Sim, exatamente! Ao criar eventos educativos – sejam eles cursos, workshops ou palestras – você se posiciona como especialista na sua área, além de conseguir se apresentar de uma maneira pouco invasiva para possíveis novos clientes.

Mas afinal de contas, como fazer para criar um evento interessante, que chame a atenção do público e te posicione como especialista na sua área? A seguir, compartilhamos algumas dicas que vão te ajudar nessa missão:

1- O conteúdo é tudo

O primeiro passo para criar um evento de sucesso — que é rico para os participantes e que também ajuda a divulgar o seu trabalho — é pensar no conteúdo. Ele deve ser interessante e informativo.

Além disso, deve ser visualmente agradável. Portanto, mesmo que você não seja designer, precisa caprichar na apresentação visual. Se você não pode terceirizar essa função para um especialista, a nossa dica é que use ferramentas como o Canva, por exemplo, que te oferece templates gratuitos para apresentações de powerpoint.

2- Escolha um lugar estratégico

O local onde o seu evento vai acontecer é muito importante para o seu sucesso. A nossa dica é que você opte por ambientes que já contam com um público. Coworkings, cafés e faculdades são alguns exemplos desses lugares. Dessa maneira é possível aproveitar as pessoas que já frequentam esses locais, contando com a participação deles no seu evento.

3- Faça uma curadoria de participantes

Além de divulgar o evento para o público em geral, faça um convite especial para as pessoas estratégicas. Sabe aquela pessoa que você quer muito que se torne sua cliente? Ofereça uma entrada gratuita para ela.

Você também pode oferecer entrada gratuita para influenciadores da área, que podem falar sobre o seu negócio para os seus colegas ou então nas suas redes sociais.

4- Cobrar, mesmo que um valor simbólico

Se você quer se posicionar como especialista fazendo eventos, cobre por essas atividades. Já existem muitos eventos gratuitos no mercado. Cobrar um valor, mesmo que simbólico, é uma forma de se diferenciar dos concorrentes! As pessoas vão achar que o seu conteúdo é mais completo, pois você está cobrando por ele (e, obviamente, você vai se esforçar para oferecer o seu melhor).

Ainda não se convenceu de que deve cobrar? Os eventos gratuitos têm uma quebra muito grande. Em geral, 30% dos inscritos deixam de ir. Em algumas cidades, a taxa de inscritos que não participam da atividade chegam a 50%.

5- Crie o seu evento numa plataforma profissional

Para que as pessoas te vejam como profissional, é importante escolher uma boa plataforma para gerenciar as inscrições e os pagamentos do seu curso. Em vez de usar aqueles sites de vendas de ingresso para festas, que tal optar por uma versão focada especialmente em cursos?

A EngagED faz justamente isso. Com essa plataforma, você consegue deixar o seu curso ainda mais profissional (e é isso que você quer com essa ação, né?! Se posicionar como especialista e profissional).

Algumas das vantagens da EngagED são:

  • Você pode criar uma landing page especial para o seu evento, que tem a cara do seu negócio.
  • Você consegue gerenciar de perto quem são as pessoas interessadas no seu workshop, que se inscreveram, mas não fizeram o pagamento. Dessa maneira, pode entrar em contato, para converter esse público em alunos.
  • A ferramenta oferece diversos meios de pagamento. O seu aluno pode escolher a que mais se adequa a sua necessidade.

6- Divulgue muito o evento

Você criou um conteúdo rico e completo, escolheu um local interessante para receber o seu evento e está preparado para se posicionar como profissional? Então agora o trabalho é divulgar o seu workshop.

Fale com amigos, compartilhe nas redes sociais, faça anúncios pagos no Facebook e Instagram e, dependendo do local onde o evento for acontecer, até crie materiais impressos.

7- Capriche na experiência durante o evento

O momento do workshop em si é o mais importante de todos. As pessoas precisam sair do encontro gratas por terem participado do seu evento e com a sensação de que aprenderam algo relevante. Não há nada pior do que ir num workshop e sair com a impressão de que foi um tempo perdido.

Além de compartilhar os seus ensinamentos, você também deve se vender durante o evento. Lembre-se que um dos seus objetivos durante essa atividade é conseguir se posicionar e, futuramente, conseguir novos clientes e parceiros. Para isso, capriche na sua introdução — momento em que, em geral, os palestrantes falam sobre os seus feitos profissionais.

8- E-mail

Durante a inscrição, você deve pedir alguns dados pessoais dos participantes do seu evento. O email é uma dessas informações relevantes. Com esse dado, você consegue se comunicar com frequência com o aluno, encaminhando conteúdos, agenda para novos eventos, etc.

Depois que o evento acontecer, crie esse hábito de se comunicar com os participantes. Assim, você será lembrado sempre que eles precisarem de um profissional com o seu perfil.

9- Crie um calendário de eventos

O público respondeu positivamente ao seu workshop? Então comece a criar eventos com mais frequência. Além de serem uma vitrine para o seu trabalho, essas atividades podem se tornar uma fonte de renda extra, o que é extremamente importante para os profissionais autônomos.

O evento é uma das ações que você pode fazer para se tornar uma referência na sua área. Lembre-se de também se dedicar a outras atividades, como a criação de textos relevantes no seu blog, atualização de redes sociais, etc. São todas essas ações em conjunto que vão te promover como um excelente profissional.

Leia também:

Não perca nenhuma novidade!

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das atualizações da EngagED:

Obrigado! Confirmamos a sua assinatura na nossa newsletter.
Oops! Houve um erro. Por gentileza, tente novamente.